quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Em breve! Agende uma data para estar conosco, nesta grande festa ao nosso Deus!


CULTO DE ORAÇÕES AS SEGUNDAS E QUARTAS FEIRAS NA I.E.A.B. DE VILA ARAPUÁ


TODAS AS TERÇAS FEIRAS , ORAÇÃO E PALAVRA


   

Campanha da vitória - não percam I.E.A.B. Arapuá


Versículo do Dia

Versículo do Dia


Porventura não fizeste isto a ti mesmo, deixando o Senhor teu Deus, no tempo em que ele te guiava pelo caminho? 

VÍDEO DO DIA - Aos Pés da Cruz - Kleber Lucas e Marina de Oliveira



Aos Pés da Cruz

 Kleber Lucas e Marina de Oliveira 




PÃO DIÁRIO - 21\09\2017 - INESPERADO INCONTROLÁVEL

INESPERADO INCONTROLÁVEL

A vida é cheia de surpresas - algumas delas dirigem a vida para caminhos indesejados. Ainda me lembro da onda de choque que atingiu nossa família há muitas décadas quando meu pai perdeu seu emprego sem justa causa. Foi um grande impacto para alguém com uma casa cheia de filhos para alimentar. Mas assim como a perda desse emprego estava fora de seu controle e foi algo inesperado, ele sabia que poderia confiar seu futuro nas mãos de Deus.
Como seguidores de Jesus, devemos reconhecer que há coisas na vida que são o que costumo chamar de " inesperado incontrolável ". Para nos ajudar nesses momentos, Tiago 4:13-15 oferece sua sabedoria: " Atendei, agora, vós que dizeis: Hoje ou amanhã, iremos para a cidade tal, e lá passaremos um ano, e negociaremos, e teremos lucros. Vós não sabeis o que sucederá amanhã [...] Em vez disso, devíeis dizer: Se o Senhor quiser, não só viveremos, como também faremos isto ou aquilo. " As pessoas a quem Tiago estava escrevendo faziam planos e excluíam a prerrogativa de que Deus direcionasse suas vidas.
É errado planejar o futuro ? Claro que não. É, no entanto, imprudente esquecer que Deus pode permitir alguns eventos " inesperados incontroláveis " quando lhe aprouver. No fim das contas, tudo o que acontece  é para o melhor - mesmo quando for difícil demais compreender. Devemos confiar nele e em Seus planos para nosso futuro. - WEC 

Leia: Tiago 4:13-17.

Examine: Em vez disso, devíeis dizer: Se o Senhor quiser, não só viveremos, como também faremos isto ou aquilo. - Tiago 4:15.

Considere: Podemos não saber o que o futuro reserva, mas podemos confiar naquele que tem o futuro em Suas mãos. 

OUVIDO QUANTO AO QUE TEMIA

Resultado de imagem para A promessa diz que, se clamarmos ao Senhor, Ele nos responderá (Jr 33.3)

O qual, nos dias da sua carne, oferecendo, com grande clamor e lágrimas, orações e súplicas ao que o podia livrar da morte, foi ouvido quanto ao que temia. Hebreus 5.7


Tenho comentado esse exemplo de Jesus, mas, hoje, quero estudar esse precioso tesouro, o qual nos dará o entendimento necessário que muito nos ajudará. Há uma razão para, em muitos casos, não darmos fim a um sofrimento. Por certo, isso se deve ao fato de não sabermos como proceder. Portanto, se algo ocorrer fora da vontade de Deus, temos de buscar a direção dEle, a fim de obter o fim desejado.

O Salvador veio como homem e, por isso, tinha necessidade de agir como tal. Ao entender que, em Seu sacrifício, poderia ser contaminado com a morte – a natureza do diabo –, Ele não só ofereceu orações e súplicas, mas também o fez com grande clamor e lágrimas. A promessa diz que, se clamarmos ao Senhor, Ele nos responderá (Jr 33.3). A atitude do Mestre nos ensina a maneira correta de agir, sem acharmos que Deus é obrigado a cumprir nossos desejos.

Cristo fazia o Seu grande clamor até chegar às lágrimas. Normalmente, oramos por minutos, falamos daquilo de que precisamos e, muitas vezes, nem estamos em comunhão com Deus. Achar que é problema do Senhor nos ouvir a qualquer hora é errar por completo. Ele prometeu nos escutar, mas isso não acontecerá se os nossos pecados estiverem encobrindo o rosto dEle. Precisamos cumprir as condições para nos achegarmos ao Pai!

Fica claro que, ao orarmos, o nosso espírito tem de estar firmado nas promessas de Deus. Agora, não significa orar em voz alta, gritando, embora, em certas ocasiões, isso pode e deve ocorrer. O ato de clamar é uma contrição do nosso coração (às vezes, chorando), tendo a certeza de que seremos ouvidos. Cuidado para não imitar os atores, os quais choram por profissão e, em alguns casos, usam até limão ou outro elemento para fazerem isso.

Jesus não podia ser contaminado, e o único meio era rogar ao Pai para oferecer Seus pedidos a Ele. As atitudes do Mestre nos servem de exemplo para que as nossas petições sejam aceitas. Muitas vezes, os cristãos presentem que cairão em pecado, mas nada fazem. Depois, vêm a angústia, a dor e a tristeza por estarem separados de Deus. Se não quiser sofrer, ore até chegar às lágrimas, e o Senhor o ouvirá.

O Redentor precisou agir dessa maneira; do contrário, isso nem estaria no Manual da Vida. Portanto, nenhuma desculpa será aceita para o seu fracasso. Ao sentir que as situações estão ruins e há possibilidade de você transgredir ou contrair uma doença, ofereça-se ao Senhor com orações e súplicas. Ele é o único capaz de livrá-lo das garras de Satanás.

O bom é que Deus quer atendê-lo sempre. Jesus sabia que devia ser o Salvador sem mácula. Então, à feitura do Mestre, precisamos ser servos de Deus sem qualquer mancha. Devemos fazer um grande clamor para não cairmos nas mãos do diabo. Por certo, também seremos ouvidos. O que você fará?

Em Cristo, com amor,




R. R. Soares

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

MOMENTO DA PALAVRA COM O Pr JOSUÉ GONÇALVES


Reflexão - O perfil do marido ideal



Versículo do Dia


Versículo do Dia


Aquele que crê no Filho tem a vida eterna; mas aquele que não crê no Filho não verá a vida, mas a ira de Deus sobre ele permanece. 

VÍDEO DO DIA - Rompendo em Fé - Comunidade Internacional da Zona Sul e Aline Barros


Rompendo em Fé 

 Comunidade Internacional da Zona Sul e Aline Barros



PÃO DIÁRIO - 20\09\2017 - BEM ESCONDIDO

BEM ESCONDIDO

Quando nasci, meu tataravô já não conseguia mais enxergar. Ele era conhecido pelos lindos objetos de madeira que havia talhado - e também como alguém que citava muitos versículos das Escrituras. Ele e seu amigo Eli frequentemente compartilhavam versículos que conheciam. Um pouco de espirito competitivo ficou evidente ao admitirem que Eli citava mais referências enquanto meu tataravô conseguia citar mais versículos.
Hoje, a família frequentemente se lembra dele como o " avô cego ". A memorização das escrituras tornou-se para ele um guia de vida quando perdeu sua visão fisica. Mas por que é importante memorizarmos a Palavra de Deus?
O Salmo 119 nos dá instruções sobre como seguir a Deus escondendo Sua Palavra em nossos corações. Primeiro, desta maneira, nos armamos quando a tentação chega ( Salmo 119:11 ; Efésios 6:17 ). Em seguida, ao meditarmos em Sua Palavra, passamos a conhecê-lo melhor. E por último, quando temos Suas Palavras , gravadas em nossas mentes temos mais condições de ouvir Sua voz quando Ele nos instrui e guia. Usamos essas frases das Escrituras quando falamos com Ele, quando o adoramos e testemunhamos ou ensinamos a outros ( Colossenses 3:16 ).
A Palavra de Deus é "... viva e eficaz..." ( Hebreus 4:12 ). esconda suas preciosas palavras " em seu coração " ( Salmo 119:11 ) onde estarão sempre com você - CHK

Leia: Salmo 119:9-19

Examine: Guardo no coração as tuas palavras, para não pecar contra ti.   Salmo 119:11


Considere: Quando a Palavra de Deus está escondida em nossos corações, seus caminhos se tornarão nossos caminhos. 

VEIO A SER A CAUSA

Resultado de imagem para Jesus, embora fosse Filho, aprendeu a obediência pelas coisas que sofreu, foi aperfeiçoado e, com isso, veio a ser a causa da eterna salvação.



E, sendo ele consumado, veio a ser a causa de eterna salvação para todos os que lhe obedecem. Hebreus 5.9


O versículo anterior diz que Jesus, embora fosse Filho, aprendeu a obediência pelas coisas que sofreu, foi aperfeiçoado e, com isso, veio a ser a causa da eterna salvação. Se nós, mesmo sendo salvos, não aprendermos pela submissão a Deus, não seremos capacitados a cumprir o plano divino. Então, o nosso trabalho no Senhor será vão, as nossas orações deixarão de ser atendidas e amargaremos um triste final de vida.

Ao seguirmos os toques do Espírito Santo no tocante ao grande clamor que devemos fazer para nos livrarmos das obras malignas, não nos sujarmos com pecados e realizarmos algo para o nosso Deus, plantaremos a boa semente para o futuro. O Altíssimo ainda tem muitas coisas a nos ensinar, mas, se, no momento, não temos condições de ouvir falar delas, devemos prosseguir para o cumprimento do soberano plano divino a nosso respeito.

Veja bem: a salvação é para quem obedece ao Senhor; logo, os rebeldes não participarão dela agora – deixando de usufruir da cura, santificação, prosperidade e das demais bênçãos – nem no futuro, quando descobrirão que nunca foram e jamais serão conhecidos pelo Senhor. Ai de quem nos julga tolos pelo fato de não cedermos às tentações, porque aquilo de que ele desfruta agora será o prejuízo eterno dele.

É fácil submeter-se a Deus: negando as propostas do diabo. Agora, desobedecer ao Senhor também é fácil: dando atenção a Satanás. Rejeite tudo o que provém do diabo nem empreste os seus ouvidos a ele. Caso contrário, a sua mente pensará na sujeira oferecida por ele. Como é astuto, o maligno lhe mostrará o que não presta, tentando fazê-lo amar práticas repugnantes, e você não terá o Senhor operando em seu favor. Misericórdia!

É maravilhoso estar matriculado na “escola” do Espírito Santo, pois, a qualquer momento, Ele vem nos ensinar. Ao menor movimento do diabo em nossa direção, o Altíssimo nos mostra como escapar. Portanto, quando o inimigo tentar atacá-lo, ore sem se desligar do Senhor. Bom remédio é lembrar-se do que a Bíblia diz sobre o pecado e suas consequências. Assim, você fará a melhor opção. Quem se deixar levar pelo tentador sempre perderá muito.

O nosso aperfeiçoamento continuará enquanto estivermos no mundo. Isso é necessário para nos manter na presença de Deus. A cada vitória conquistada, você se aproxima do Pai celestial, afastando-se das mentiras do maligno. Satanás enganou Eva porque ela lhe deu ouvidos. Sendo pernicioso, ele tentará chamar a sua atenção, a fim de contaminar você. Resista a ele (Tg 4.7)!

Hoje, as suas atitudes são a causa do que você será amanhã. A cada passo de obediência, você é aprimorado no Caminho para se tornar uma bênção para si mesmo e as demais pessoas. Como o mundo seria diferente se os filhos de Deus permitissem que Ele os transformasse à Sua imagem. Esse deve ser o alvo da nossa vida. Assim, jamais cairemos.

Em Cristo, com amor,



R. R. Soares

terça-feira, 19 de setembro de 2017

Versículo do Dia

Versículo do Dia


E aconteceu naquele mesmo tempo que Abimeleque, com Ficol, príncipe do seu exército, falou com Abraão, dizendo: Deus é contigo em tudo o que fazes;

VÍDEO DO DIA - Deus Cuida de Mim - Kleber Lucas e Delino Marçal


Deus Cuida de Mim - Kleber Lucas e Delino Marçal




PÃO DIÁRIO - 19\09\2017 - PAI NOSSO QUE ESTÁS NOS CÉUS

PAI NOSSO QUE ESTÁS NOS CÉUS

Quando Jesus nos ensinou a orar: Ele começou, " ... Pai , santificado..." ( Lucas 11:2 ). É uma das muitas escrituras que se referem a Deus como um pai. Acho fascinante e instrutivo, que quando Deus quis que soubéssemos como Ele é, escolheu enfatizar Seu caráter de pai.
O que sabemos sobre Deus como nosso Pai?. De acordo com a oração de Jesus, sabemos que nosso Pai no céu está acessível e atento a nós. Está também claro que ele é nosso provedor; nos perdoa e nos protege do mal ( vs 2-4 ).
Que padrão maravilhoso para os pais que não estão no céu! É certo que há apenas um Pai perfeito no universo, mas como tal, Ele estabelece o ritmo para o resto de nós, pais menos que perfeitos. Descobri cedo em meu mistério que meus filhos, não ficavam impressionados com  os livros que escrevia, com os títulos que tinha ou lugares em que ministrava. Eles queriam meu tempo e minha atenção; a provisão para necessidades básicas, um amor que pacientemente perdoa e um lugar seguro para crescer e amadurecerem. É uma lista curta, mas profunda de deveres paternais.
E aqueles que não tiverem um pai para suprir estas necessidades? Encoraje-se pois se você foi redimido por meio de Jesus, tem um Pai celestial perfeito - e Ele é o melhor Pai de todos  -  IMS


Leia: Lucas 11:1-13

Examine: ...Pai, santificado seja o teu nome... - Lucas 11:2

Considere:  Os braços do Pai celestial nunca se cansam de segurar Seus filhos.

NÓS CHEGAMOS LÁ

Resultado de imagem para exodo 6.8


E eu vos levarei à terra, acerca da qual levantei a mão, que a daria a Abraão, e a Isaque, e a Jacó, e vo-la darei por herança, eu, o SENHOR. Êxodo 6.8


Essa declaração feita por Deus era suficiente para fazer os hebreus chorarem de alegria. Eles clamavam com lágrimas a Quem podia fazer deles o povo mais feliz da Terra. De igual modo, as promessas bíblicas, inclusive as de Jesus, deveriam levantar-nos e capacitar-nos para vivermos vitoriosamente, assim como foi determinado que Abraão fosse uma bênção. Aleluia!

Enquanto agirmos como os descrentes, não iremos muito longe. Os perdidos jamais servirão de exemplo para os salvos, mas o contrário deve ser verdade sempre. Tendo o selo do Senhor sobre a nossa vida, temos obrigação de fazer as mesmas obras de Jesus e outras maiores (Jo 14.12). Ele nos chamou para participarmos da Sua eterna glória, porém temos feito coro com quem desconhece o Altíssimo. Misericórdia!

Viver desejando ser curado e próspero não é o plano do Senhor para nós. É verdade que almejar algo é bom. Se estivermos andando corretamente diante de Deus, os anseios do nosso coração serão supridos (Sl 37.4). No entanto, na maioria das vezes, deixamos de obter os presentes dos Céus, criando limites às operações divinas. Porém, essas limitações não vêm dEle.

O Senhor prometeu aos israelitas levá-los a Canaã, símbolo da verdadeira Terra da Promessa, a qual é espiritual em nosso entendimento. Por isso, precisamos recusar o que nos impede de ser e ter o que a Palavra declara. Há muito mais para aproveitarmos. Temos obrigação de desfrutar das maravilhas de Deus oferecidas a nós.

Deixe o Altíssimo conduzi-lo e veja o quanto Ele é bom. A Bíblia nos manda prová-Lo para confirmarmos isso (Sl 34.8). Ele tem infinito poder para cumprir Suas promessas, e deveríamos usufruir da Sua bondade, repelindo qualquer obstáculo. O Pai celeste sabe dar boas coisas aos Seus filhos. Ele não sonega bem algum aos que andam retamente (Sl 84.11). Tudo o que Ele possui ou é pertence aos que creem. Você crê?

Se Canaã fosse uma terrinha à toa, Deus levantaria a Sua mão em promessa? Ele assim fez para Abraão, Isaque e Jacó terem certeza de que o Senhor a realizaria. O Senhor procede conosco da mesma maneira. A verdadeira Terra da Promessa é grandiosa; portanto, pare de temer, creia somente (Mc 5.36)! Agindo assim, você verá a glória divina em cada decisão sua. Quanto os rebeldes estão desperdiçando, não é?

É desnecessário sofrermos para conseguir as riquezas de Deus, pois tudo nos foi dado por herança. Fomos colocados diante da Terra da Promessa e, para tomar posse dela, só temos de crer e fazer nossas declarações de fé. O Todo-Poderoso nos concede o mesmo entendimento de Jesus; por isso, devemos viver e ministrar como Cristo.

Em Cristo, com amor,




R. R. Soares

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

MOMENTO DA PALAVRA COM O Pr JOSUÉ GONÇALVES


Segredo dos Casamentos de Sucesso





Versículo do Dia


Versículo do Dia


E, tirando-os para fora, disse: Senhores, que é necessário que eu faça para me salvar?E eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa. 

VÍDEO DO DIA - O Mapa Do Tesouro - Anderson Freire e Gisele Nascimento - DVD Essência

O Mapa Do Tesouro 

 Anderson Freire e Gisele Nascimento 

DVD Essência




PÃO DIÁRIO - 18\09\2017 - FEITO POR DEUS

 FEITO POR DEUS

Quando era criança, alguém muito próximo a mim acreditou que poderia me motivar a ser melhor me perguntando, " por que você é tão bobo? " Eu não sabia o quanto isso tinha me efetado até me tornar adolescente e ouvir alguém, atrás de mim, dizer: " Bobão ! " Ao ouvir essa palavra, rapidamente voltei-me para atrás pensando que estavam falando comigo.
Conhecer Jesus Cristo como Salvador e Senhor me ajudou a perceber que, porque Deus me criou à Sua imagem ( Gênesis 1:27 ), eu não sou tolo, mas sim "...formado de modo assombrosamente maravilhoso " ( Salmo 139:14 ). Deus declara que tudo o que Ele fez é " muito bom " ( Gênesis 1:31 ), e os Salmos nos lembram de que somos "...formados e entretecidos..." ( Salmo 139:15 ).
O salmista Davi descreve como Deus conhece cada um de nós intimamente; " SENHOR, tu me sondas e me conheces. Sabes quando me assento e quando me levanto; de longe penetras os meus pensamentos Esquadrinhas o meu andar e o meu deitar e conheces todos os meus caminhos " ( vv.1-3 ).
Não apenas somos feitos de maneira maravilhosa, mas devido à morte de Cristo na cruz, podemos também ser maravilhosamente resturados e ter um relacionamento reto com Deus. " E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura [...] Ora, tudo provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo " ( 2 -Coríntios 5:17-18 ). - AL

Leia: Salmo 139:1-16.

Examine: Graças te dou, visto que por modo assombrosamente maravilhoso me formaste... - Salmo 139:14.

Considere: Cada pessoa é uma expressão única do amoroso projeto de Deus.

TOMADOS PARA SERMOS POVO DE DEUS

Resultado de imagem para TOMADOS PARA SERMOS POVO DE DEUS Êxodo 6.7


E eu vos tomarei por meu povo, e serei vosso Deus; e sabereis que eu sou o SENHOR, vosso Deus, que vos tiro de debaixo das cargas dos egípcios. Êxodo 6.7


O fato de entendermos a Palavra tem um significado especial para nós, que cremos em Jesus e O aceitamos como Salvador. Era nisso que residia o poder operado por Ele em Seus dias na Terra. Hoje, essa virtude está à nossa disposição para fazermos as mesmas obras realizadas por Ele (Jo 14.12). Não há como tropeçarmos, se tivermos o Filho de Deus como Senhor da nossa vida. Todo cristão deve ter ciência dessa verdade e confessá-la.

O Altíssimo mandou Moisés dizer aos israelitas que os tomaria das mãos de Faraó para ser o Seu povo particular. Isso era simbólico. Os salvos precisam meditar nessa declaração, tendo a certeza de que o Todo-Poderoso os resgatou das mãos do diabo e os fez povo dEle, ovelhas do Seu pastoreio. Crer que algum mal o atingirá fará você ficar triste, cabisbaixo e refém da opressão dos espíritos infernais do erro.

Não há nada mais abençoado do que deixar o Espírito de Deus nos guiar aos verdejantes pastos e às águas tranquilas por amor do Seu Nome. Assim, poderemos assentar-nos à mesa preparada pelo Onipotente na presença dos nossos inimigos e ter a cabeça ungida. Mesmo que andemos pelo vale da sombra da morte, não tememos mal algum, porque Ele está conosco (Sl 23.1-5). Nenhum dos planos de Satanás prosperará contra nós.

O Onisciente promete ser o nosso Deus, Aquele que pode tudo e não economiza poder para nos manter livres dos ataques satânicos. O Rei dos reis, seguramente, estará sempre ao nosso lado, a fim de nos guardar e fortalecer. Mesmo que um leão ou urso venha sobre nós, não seremos atingidos. Os santos de Deus sempre terão acesso a Ele. Com Jesus como Salvador, Senhor, Protetor e Mestre, andarão todos os dias em vitória. A Ele seja a glória!

O Pai celestial quer que saibamos que Ele é o nosso Senhor, por isso nos dá o Nome de Seu Filho para usarmos contra as investidas do mal. Assim, as nossas necessidades serão satisfeitas em um abrir e fechar de olhos. Não devemos temer as ameaças do reino das trevas nem nada de ruim que esteja acometendo os perdidos, pois o Senhor é o nosso Deus e, com Ele, destruímos as ferramentas malignas.

Se você souber a grandeza do que é ter Cristo como seu Senhor – e Ele é Deus com o Pai –, não deixará o inimigo abrir a boca duas vezes. Na primeira afronta, ele será paralisado, e as obras dele na sua vida e na de sua família serão desfeitas. Então, como Davi, você dirá: Ainda que um exército me cercasse, o meu coração não temeria; ainda que a guerra se levantasse contra mim, nele confiaria (Sl 27.3). A fé no Redentor é a sua vitória!

Ao finalizar a promessa aos israelitas, o Altíssimo disse que os tiraria do jugo dos egípcios. Para nós, Ele declara que nenhum mal nos sucederá nem praga alguma chegará à nossa tenda (Sl 91.10). Confie no Senhor e viva destemidamente, pois qualquer sofrimento que os perdidos passem não chegará perto de você. Deus é a sua Força em todos os momentos (Sl 28.7).

Em Cristo, com amor,




R. R. Soares

domingo, 17 de setembro de 2017

Versículo do Dia


Versículo do Dia


Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai; e já desde agora o conheceis, e o tendes visto. 

VÍDEO DO DIA - DVD Comunidade de Nilópolis Eu Quero É Deus




DVD Comunidade de Nilópolis Eu Quero É Deus



PÃO DIÁRIO - 17\09\2017 - ACHADOS E PERDIDOS

ACHADOS E PERDIDOS

Há algum tempo não conseguia encontrar meu cartão de crédito. Comecei a procura-lo freneticamente porque perder um cartão de crédito não é algo insignificante, Os pagamentos automáticos e compras diárias seriam interrompidos  até que eu tivesse outro cartão. Sem pensar na possibilidade de alguém tê-lo encontrado e fazer compras à nossa custa. Senti grande  alívio quando minha esposa encontrou o cartão no chão  sob a mesa do computador.
No livro de Lucas 15:8-10, Cristo contou a história de algo que estava perdido - uma moeda valiósa, que equivalia ao pagamento por dias de trabalho.
A mulher que perdeu estava tão preocupada em encontrá-la que acendeu uma lãmpada,vasculhou a casa e cuidadosamente procurou  até encontrar. E depois  disse a suas amigas " .. Alegrai-vos comigo, porque achei a dracma que eu tinha perdido " ( vs 9 ) ; Jesus então falou sobre a moral da história: " ... de igual modo; há júbilo diante dos anjos de Deus por um pecador que se arrepende "  ( vs 10 ).
As pessoas têm muito valor para Deus; Aqueles que não o conhecem, estão perdidos em seus pecados. Cristo pagou o preço máximo ao morrer na cruz pela redenção de todos. Você conhece pessoas que estão perdidas ? Peça ao Senhor por uma oportunidade para compartilhar as boas-novas com elas para que se arrependam de seus pecados e sejam encontradas por nosso Deus misericordioso.  HDF

Leia: Lucas 15:4-10

Examine: " .. Alegrai-vos comigo, porque achei a dracma que eu tinha perdido " - Lucas 15:9

Considere: Para ser encontrado primeiro admita estar perdido. 

MENSAGEM AOS CATIVOS

Resultado de imagem para Ao enviar Moisés ao Egito, Deus tinha um propósito


Portanto, dize aos filhos de Israel: Eu sou o SENHOR, e vos tirarei de debaixo das cargas dos egípcios, vos livrarei da sua servidão e vos resgatarei com braço estendido e com juízos grandes.Êxodo 6.6


Ao enviar Moisés ao Egito, Deus tinha um propósito grande e eterno para os descendentes de Abraão, Seu amigo. Eles não desceram àquela terra para serem escravos de Faraó, mas, com o passar do tempo, os monarcas que sucederam os antigos reis, por desconhecerem a história, não tiveram a mesma consideração para com eles. Então, decidiram usá-los como mão de obra escrava. No entanto, chegou o dia em que a mensagem de liberdade lhes foi pregada.

O Senhor não faria menos por nós, já que a escravidão da humanidade sob o jugo do diabo é maior do que a dos israelitas. Portanto, precisamos aprender o que foi feito em nosso favor, pois, em cada geração, há semelhantes nossos usados nos mais diversos meios de perversidade. Temos o poder para libertar quem está sob o comando do inimigo, mas nos falta entendimento de como proceder e, por isso, sofremos sob o chicote do maligno.

Além disso, o Senhor não enviou um homem para lidar com Faraó (que, com sua tirania, simbolizava o diabo), mas Seu próprio Filho, o qual veio morrer para sermos libertos do império das trevas. O homem precisa aprender sobre a obra realizada pelo Onipotente Deus no Calvário, quando Seu Filho pagou pela nossa libertação, derramando Seu sangue e dando-nos esse direito que nunca nos será tirado.

Aos filhos de Jacó Deus Se identificou como o Todo-Poderoso. Por isso, eles podiam acreditar na mensagem enviada, porque ela anunciava a libertação deles do jugo de Faraó. Incrível, mas, até hoje, os descendentes de Jacó não entenderam que Jesus é o Libertador deles. No entanto, quando chegar o dia, exultarão de alegria. É isso que acontece com quem participa da salvação providenciada por Cristo. Sem dúvida, eles O aceitarão!

A escravidão teria fim. Esse era o anúncio de Moisés. Hoje, temos de falar com o verbo no tempo passado, porque isso já ocorreu. O diabo não pode oprimir ninguém, porém a pessoa precisa ouvir a Verdade e crer nela. Assim, os drogados são libertos; os criminosos abandonam o mau caminho; os doentes são curados, e quem vive oprimido pela miséria e demais problemas começa a desfrutar da vida abundante trazida pelo Salvador. O nosso Deus é realmente tremendo!

Eles seriam libertos com uma demonstração de poder nunca vista antes. O que foi feito no Egito simbolizou a grandiosidade do que Deus iria fazer para libertar o homem das mãos do diabo. Hoje, quando alguém clama por salvação, bem como pela libertação de vícios e pecados, cura ou de qualquer outra opressão, no mesmo instante o poder divino entra em ação e acaba com a obra das trevas. Basta crer para participar desse agir de Deus, que é sem igual!

O Altíssimo nos colocou diante da Terra da Promessa e ordena que subamos e a possuamos. Se crermos nEle, não duvidaremos nem enviaremos espias para ver se o que Ele disse é verdade ou não. Os que creem podem assumir a libertação concedida.

Em Cristo, com amor,



R. R. Soares

sábado, 16 de setembro de 2017

MOMENTO DA PALAVRA COM O Pr JOSUÉ GONÇALVES


Esposa, agente de transformação



Versículo do Dia

Versículo do Dia


Porquanto os vossos olhos são os que viram toda a grande obra que fez o Senhor. 

VÍDEO DO DIA - Casting Crowns - Courageous


Casting Crowns - Courageous




PÃO DIÁRIO - 16\09\2017 - O CORDEIRO QUE É LEÃO


O CORDEIRO QUE É LEÃO

No livro de Apocalipse 5, o apóstolo João retrata Jesus, o Leão de Judá (vs 5 ), como um cordeiro ferido ( vs 6 ). Ao mencionar essa figura descritiva, o pregador Charles Spargeon perguntou: " Por que nosso exaltado Senhor deveria aparecer em glória com Suas chagas? " E ele mesmo respondeu: ''  As chagas de Jesus são Sua glória ".
O simbolo de um cordeiro não representa tipicamente, poder e vitória. A maioria das pessoas prefere simbolos de força que as conidem à admiração. No entanto, Deus escolheu ser encarnado como um bebê, parte do lar de um pobre carpinteiro. Ele viveu como pregador itinerante e morreu " ... como cordeiro foi levado ao matadouro ..." ( Isaías 53:17 ) em uma cruz romana. Todos, incluindo Seus discípulos, pensaram que Sua crucificação significava o fim do único que havia ousado desafiar a ordem religiosa estabelecida de Seus dias. Mas quando Jesus Cristo ressuscitou, Ele demonstrou de maneira poderosa o incomparável poder e glória de Deus.
Está chegando o dia em que jesus retornará em glória para governar o que lhe é de direito. Nesse dia, todos se curvarão diante dele e dirão: "...Digno é o Cordeiro que foi morto de receber o poder, e riqueza, e sabedoria, e força, e honra, e glória e louvor." ( Apocalipse 5:12 ). Jesus, o Cordeiro que também é o Leão, merece nosso louvor ! - CPH 

Leia: Apocalipse 5:1-12.

Examine: ...para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho [...] e toda língua confesse que Jesus Cristo é Senhor. - Filipenses 2:10-11.

Considere: Para honrar nosso Rei, cantamos Seus louvores.

SOCORRO DE ÚLTIMA HORA

Resultado de imagem para É melhor o socorro de última hora do que a condenação eterna.


Então, Judá olhou, e eis que tinham de pelejar por diante e por detrás; assim, clamaram ao SENHOR, e os sacerdotes tocaram as trombetas. 2 Crônicas 13.14


A guerra entre o reino do Norte, o qual manteve o nome de Israel, e o do Sul, que permaneceu com a casa de Davi e passou a se chamar Judá, provou que vale a pena ser de Deus e clamar ao Senhor. O rei de Judá era Abias, filho de Roboão, que era filho de Salomão. Abias não preparou o coração para buscar o Altíssimo e, por isso, não teve sabedoria para manter o povo unido. Assim, nasceu Samaria.

Antes do início da batalha, Abias provou temer o Senhor e, colocando-se de pé em um monte, pediu a Israel que se submetesse à vontade divina. Ele tinha 400 mil homens armados e preparados, mas Jeroboão, o revoltoso, ia contra ele com o dobro. No seu clamor, Abias enumerou pontos principais pelo quais seriam derrotados, mas não foi ouvido pelo seu desafeto (2 Cr 13.4-12).

Jeroboão era sagaz. Embora tenha sido ajudado pelo Senhor por causa da fraqueza de Roboão, logo mostrou uma fé dobre: cria no Altíssimo, que tirou Israel do Egito, mas não com o coração inteiro. Assim, após dividir o país, criou dois bezerros de ouro e disse às pessoas que aqueles eram os deuses que as tiraram do Egito e a quem deveriam servir. Ele temia que o povo fosse a Judá, ao templo de Salomão, e o deixasse.

O esforço de Abias de fazê-los desistir do seu intento não adiantou, apesar de ter discorrido sobre fatos suficientes para levar os revoltosos ao arrependimento. Ele provou que a bênção estava com a casa de Davi, por causa das afirmações do Senhor a esse respeito. Enquanto Abias falava, Jeroboão usou uma estratégia que foi o fim de Judá (v. 13). Porém, Abias sabia clamar a Deus. Aleluia!

Jeroboão dividiu os seus 800 mil homens em uma emboscada: metade diante de Judá, lutando um homem contra o outro, e a outra metade por trás, impondo a derrota ao reino do Sul. O rei de Judá havia dito na sua convocação à sanidade que Deus estava com eles e ia à frente deles, o que era verdade.

Quando Abias olhou e viu que teria de lutar em duas frentes, logo colocou sua fé em ação e clamou a Deus. Então, seus sacerdotes tocaram a buzina, seus homens gritaram, e o Senhor lhes deu a vitória (v. 15). Mesmo assim, o rebelde não se curvou e continuou com o seu reino. Cerca de 300 anos depois, além dos problemas que nunca o abandonaram, o seu reino foi destruído pela Assíria. Valeu a pena ter feito aquilo?

Na obra divina, em algumas partes do mundo, temos visto divisões acontecerem; porém, o exemplo de Jeroboão sempre se mostrará como o pior. Por que não temer o Senhor? No Dia do acerto de contas, o que prevalecerá será quem fez a vontade celestial. É melhor o socorro de última hora do que a condenação eterna. O que você diz?

Em Cristo, com amor,



R. R. Soares

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Versículo do Dia


Versículo do Dia



Portanto, convém-nos atentar com mais diligência para as coisas que já temos ouvido, para que em tempo algum nos desviemos delas.