quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

MOMENTO DA PALAVRA COM Pr JOSUÉ GONÇALVES


QUAL SUA NOTA COMO PAI OU MÃE? 



Versículo do Dia

Versículo do Dia

pois os dons e o chamado de Deus são irrevogáveis. 

VÍDEO DO DIA - Preto no Branco - O Sacrifício



Preto no Branco - O Sacrifício



PÃO DIÁRIO - 18/01/2018 Um chamado ao consolo

Um chamado ao consolo

Em seu livro Dear Mrs. Kennedy (Querida Senhora Kennedy, tradução livre), Jay Mulvaney e Paul De Angelis registram que durante as semanas seguintes ao assassinato de John Kennedy, presidente dos EUA, a viúva Jacqueline recebeu milhares de cartas de todas as partes do mundo. Algumas de chefes de estado, celebridades ou amigos próximos. Outras de pessoas comuns que endereçavam as cartas a “Madame Kennedy, Washington” e “Senhora Presidente, América.” Todos escreveram para expressar luto e condolências pela grande perda de Jacqueline.

Quando ajudamos os que sofrem, é bom lembrar a imagem que Paulo nos dá sobre “…Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo…” como “…o Pai de misericórdias e Deus de toda consolação!” (2 Coríntios 1:3). Nosso Pai celestial é a fonte máxima de toda terna misericórdia, palavra gentil e ato de bondade que traz o encorajamento e a cura. O estudioso da Bíblia, W. E. Vine, diz que paraklesis — a palavra grega traduzida como “consolo”, significa “um chamado para estar ao lado de alguém”. As palavras conforto e consolação que aparecem na leitura bíblica de hoje nos lembram que o Senhor nos mantém próximos e nos convida a apegarmo-nos a Ele.

Porque o Senhor nos envolve em Seus amorosos braços, somos capazes de alcançar outros “…com a consolação com que nós mesmos somos contemplados por Deus” (2 Coríntios 1:4).

—DCM


Leia: 2 Coríntios 1:3-11 

Examine: Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai de misericórdias e Deus de toda consolação! — 2 Coríntios 1:3

Considere: Deus nos consola para que possamos consolar outros.

MARAVILHAS EXTRAORDINÁRIAS

Resultado de imagem para Hoje, na Igreja de Cristo, faltam pessoas que vivam a Palavra.


De sorte que até os lenços e aventais se levavam do seu corpo aos enfermos, e as enfermidades fugiam deles, e os espíritos malignos saíam.Atos 19.12
  

A unção concedida a nós pelo Senhor não é inferior a que Ele deu a Jesus. Deus ungiu Seu Filho com o Espírito Santo e poder para andar por todas as partes fazendo o bem e curando os oprimidos do diabo (At 10.38). O Salvador nos ordenou a pregar o Evangelho e a usar o Seu poder para fazer as mesmas obras feitas por Ele. Porém, se não crermos nas palavras de Jesus, passaremos os dias no ministério agindo como aqueles que se dizem de Deus e não o são.

Temos desperdiçado poder por não atentarmos às Escrituras. Se não mostramos aos perdidos a nossa diferença em relação aos líderes das mais diversas religiões, como saberão que o Evangelho é a Verdade? Ora, qual a razão de insistir em pregar algo ineficaz, se, um dia, daremos conta do que fizemos com a ordem do Mestre? Muitos estão esperando pelo surgimento dos servos de Deus.

Quem reclama da dificuldade de pregar o Evangelho precisa entender que a obra de Deus não é feita contando histórias, e sim demonstrando o poder dEle. Pregar sem os sinais é enganar as pessoas. Imagine se Jesus não tivesse usado a autoridade do Pai para curar enfermos, libertar oprimidos e realizar demais operações jamais vistas! As multidões O teriam seguido (Jo 6.2)? O Evangelho é o poder de Deus!

Naqueles dias, toda a região de Éfeso ficou agitada por causa do trabalho de Paulo. Os líderes das religiões estavam espantados, pois, a cada dia, viam as pessoas abandonarem seus templos e se converterem a Jesus. Alguns invejosos assistiam às reuniões do apóstolo e prestavam atenção ao que ele fazia, a fim de enriquecer às custas dos oprimidos. Porém, quem tentou fazer isso foi envergonhado e desmoralizado (At 19.13-17). 

Hoje, na Igreja de Cristo, faltam pessoas que vivam a Palavra. Quem leva anos estudando nos seminários deveria passar algum tempo junto aos servos usados pelo Senhor. Isso faria um bem muito grande ao Evangelho e, então, essa pessoa não reclamaria dos dias maus ou do fato de os outros pensarem somente em bens materiais, por exemplo. Se a Verdade não for pregada, ninguém se libertará; logo, não se converterá nem frequentará uma igreja. Busque o poder!

Não há substituto para o Evangelho anunciado no poder do Espírito Santo. Há igrejas onde as pessoas são muito carismáticas e entendem tudo da Bíblia, mas cometem vários pecados e vivem sofrendo. Por outro lado, há casos em que, quando a Palavra é ministrada, demônios começam a se manifestar até nos oficiais da igreja, e estes deixam o caminho do erro e se voltam para o Senhor. Deus é o mesmo hoje!

Em Éfeso, até lenços e aventais do corpo de Paulo eram levados aos enfermos. Com essa atitude, as doenças fugiam deles, os espíritos malignos saíam, e o povo se reunia para adorar a Deus. Todos eram libertos. Onde isso é feito, nos dias de hoje, sem dúvida, a obra de Deus é realizada com tremendo sucesso.

Em Cristo, com amor,




R. R. Soares

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Versículo do Dia

Versículo do Dia


"Lembre-se disso, ó Jacó, pois você é meu servo, ó Israel. Eu o fiz, você é meu servo; ó Israel, eu não o esquecerei.

VÍDEO DO DIA - Preto no Branco - Me Faz Voar ft. André Valadão


Preto no Branco - Me Faz Voar ft. André Valadão




PÃO DIÁRIO - 17/01/2018 - Novos começos

Novos começos

Novos começos são possíveis. Pergunte a um jovem que passou a fazer parte de uma gangue ainda no Ensino Fundamental. Ele fugiu quando tinha apenas 12 anos e por três anos esteve perdido nas drogas, participando da gangue. Embora ele tenha deixado a gangue e retornado à sua casa, foi difícil para ele, pois já tinha sido expulso da escola por vender drogas. Entretanto, quando matriculou-se em uma nova escola para cursar o Ensino Médio, uma professora o inspirou e encorajou a escrever sobre as suas experiências em vez de repeti-las. Ele se comprometeu com esse desafio e agora está experimentando um novo começo.

Deus, por meio do profeta Isaías, também encorajou exilados judeus a pensarem num novo começo. Deus disse: “Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas” (Isaías 43:18). Ele lhes disse para deixarem de viver lembrando-se da punição que sofreram e até mesmo da demonstração do poder divino quando houve o primeiro êxodo do Egito. Ele queria que a atenção do povo estivesse focada em Deus, que lhes daria um novo começo, levando-os da Babilônia para casa, em um novo êxodo (v.19).

Com Deus, os novos começos são possíveis em nossos corações. Ele pode nos ajudar a abrir mão do passado e começarmos a nos apegar nele. Um relacionamento com o Senhor proporciona nova esperança aos que confiam nele.

—MLW

Leia: Isaías 43:14-21 

Examine: Eis que faço coisa nova, que está saindo à luz; porventura, não o percebeis?… —Isaías 43:19

Considere: Deus dá novos começos quando nos aproximamos ainda mais dele.

A ÁSIA OUVIU A PALAVRA DO SENHOR

Resultado de imagem para A ÁSIA OUVIU A PALAVRA DO SENHOR


E durou isto por espaço de dois anos, de tal maneira que todos os que habitavam na Ásia ouviram a palavra do Senhor Jesus, tanto judeus como gregos.Atos 19.10


O propósito maior do Senhor para a humanidade é que ela ouça a Sua Palavra. Isso foi atingido plenamente por Paulo quando ele obedeceu à direção para deixar Corinto e ir a Éfeso. Da mesma maneira, o Altíssimo nos leva a alguns lugares, aonde nem pensávamos ir, ou coloca pessoas em contato conosco, para as levarmos ao entendimento da Verdade. Esse é o único meio de se converterem e serem salvas.

A ida de Paulo a Éfeso, o seu açoitamento em praça pública e a confusão feita pelos judeus contra o seu ministério na sinagoga daquela cidade valeram a pena, pois, com isso, ele pôde dar a todas as pessoas que lá se encontravam o testemunho da vontade de Deus. O apóstolo falava sobre o sacrifício de Jesus em favor do homem na Sua morte na cruz. Ele não se envergonhava do Evangelho, pois é o poder de Deus para a salvação tanto dos judeus como dos gentios (Rm 1.16).

Não importam os problemas enfrentados por nós na obra de Deus; tudo faz parte do Seu plano. Se o Altíssimo nos enviar a algum lugar, ali Ele nos usará. Por isso, devemos viver em santidade com relação ao que a Bíblia prescreve, pois não há nada pior do que dar causa para alguém se desviar da Verdade ou endurecer para não ouvir a Palavra. Viva de modo a não causar escândalo a ninguém.

Os planos de Deus são diferentes dos nossos. Se não tivermos a direção dEle, não conseguiremos o sucesso determinado por Ele. Ora, o Pai celestial planejou muita coisa boa para desfrutarmos em nossa caminhada rumo aos Céus. Portanto, prepare-se para não deixar o diabo gabar-se de tê-lo derrubado ou prejudicado a obra por qualquer atitude sua. 

Fique atento e não deixe o inimigo desanimá-lo. Quando Paulo chegou aonde Deus o enviara, encontrou somente 12 discípulos que pareciam não ter vida espiritual alguma. Entretanto, ao conduzi-los ao batismo no Santo Espírito, o apóstolo se animou. Aos olhos do homem, aquilo não significava nada, mas, como o Senhor é sábio, em pouco tempo, Paulo evangelizou toda aquela região da Ásia com sucesso.

Deus queria dar essa glória ao Seu servo, o qual foi o homem certo enviado pelo Todo-Poderoso a um local cheio de feitiçaria e magia negra. É desse modo que você sempre deve se sentir, pois, aonde quer que Ele o leve, você fará algo grandioso. Não se deixe enganar pelas mentiras do inimigo, mas, confiante nas promessas do Senhor, esteja disposto a cumprir com êxito sua nobre missão.

O sucesso planejado pelo Senhor não demorou muito a aparecer. Em dois anos, mesmo sem as comodidades modernas, como energia elétrica, veículos de locomoção e aparelhagem de som etc., Paulo conseguiu fazer todos ouvirem a Palavra. Com Deus à frente, sua vitória será inevitável. Quando o Altíssimo opera, o diabo sempre perde. Aleluia!


Em Cristo, com amor,



R. R. Soares

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

MOMENTO DA PALAVRA COM Pr JOSUÉ GONÇALVES


O AMOR QUE NÃO ENTRA EM CRISE




Versículo do Dia

Versículo do Dia

E bem sabeis que ele se manifestou para tirar os nossos pecados; e nele não há pecado. 
1 João 3:5

VÍDEO DO DIA - Sonhador - Anderson Freire ft. Gisele Nascimento

Sonhador - Anderson Freire ft. Gisele Nascimento




PÃO DIÁRIO - 16/01/2018 - “Deus é poderoso!”

“Deus é poderoso!”

Certo dia, minha neta Kátia de três anos surpreendeu seus pais com certa habilidade “ou astúcia” teológica. Ela lhes disse: “Você dois tinham irmãs que morreram. Então Deus as levou para o céu para estarem com Ele. Deus é poderoso!”

O imenso poder de Deus é um mistério, entretanto é simples o suficiente para que uma criança entenda. Em seu jeito infantil de pensar, ela sabia que para Deus fazer algo tão miraculoso, significaria que Ele é poderoso. Sem entender os detalhes, Kátia sabia que Deus fez algo maravilhoso ao levar suas duas tias para o céu.

Com que frequência deixamos de nos envolver em nosso mundo mais sofisticado para nos maravilharmos com essa ideia de que Deus é poderoso? Provavelmente, não o suficiente. Não podemos saber como Deus trouxe os mundos à existência com Sua voz (Jó 38–39; Salmo 33:9; Hebreus 11:3), nem podemos saber como Ele mantém o controle destes mundos (Neemias 9:6). Não podemos saber como Ele planejou e cumpriu a encarnação de Jesus, nem podemos entender como Ele pode fazer o sacrifício de Cristo ser suficiente para a nossa salvação. Mas sabemos que estas coisas são verdade.

O poder de Deus é imensurável em seu prodígio, porém é claro o suficiente para que o entendamos. E, no entanto, é mais uma razão para louvá-lo.

—JDB

Leia: Salmo 29 

Examine: Tributai ao Senhor a glória devida ao seu nome… —Salmo 29:2

Considere: Tudo o que Deus faz está marcado com simplicidade e poder. —Tertuliano

O GRANDE PREJUÍZO

Resultado de imagem para moradores de Éfeso, perderam a grande oportunidade de ter entrado para possuir a Terra Prometida


 Mas, como alguns deles se endurecessem e não obedecessem, falando mal do Caminho perante a multidão, retirou-se deles e separou os discípulos, disputando todos os dias na escola de um certo Tirano.Atos 19.9
  

Grande é o prejuízo para quem deixa de ouvir a Palavra de Deus, pois fica sem a ajuda divina. Ora, o inimigo só espera o momento de um vacilo nosso para entrar com as suas nefastas obras. Quando ele vê nosso desprezo pelos assuntos de Deus, sabe que tem a porta aberta para entrar e fazer o que lhe agrada: roubar, matar e destruir (Jo 10.10a). Muitas vezes, só depois de anos, o mal injetado por ele em alguém surge visivelmente. Não deixe isso ocorrer com você!

Os descendentes de Jacó, moradores de Éfeso, perderam a grande oportunidade de todos os tempos. Ao se endurecerem em relação ao que o Senhor lhes falava por intermédio de Paulo, agiram como os seus antepassados no deserto, quando se recusaram ser dirigidos por Moisés. Foram 40 anos de peregrinações que seriam evitadas, se tivessem dado ouvidos ao Criador e entrado para possuir a Terra Prometida a Abraão e a sua semente. Faltou fé!

Ao proceder igual aos seus pais, desobedecendo ao Altíssimo, você armazena ira, que virá sobre você e seus familiares depois. Não deixe de atender ao Senhor, pois tudo o que Ele fala é para o seu bem. De Deus nunca virá mal algum. No entanto, se não Lhe der ouvidos, o diabo aproveitará o fato de você ter ficado sem proteção e entrará em sua vida para destruí-lo. Honre o Senhor e evite o grande prejuízo!

Esses mesmos homens também falaram mal do Caminho que os conduziria aos Céus e, com isso, encheram a medida da paciência de Deus. Por que fazer o Senhor ficar triste com você, se Ele só lhe quer fazer bem? Ele ama a sua prosperidade, a sua paz e está pronto para vingar toda maldade praticada contra a sua vida pelo inimigo. No Altíssimo, há mais do que você precisa, e isso lhe dá condições de jamais ser derrotado nas batalhas. Ame o Senhor!

Naquele dia, Paulo retirou-se deles. Quando Moisés tirou o povo de Israel do Egito, o poder divino que guardava e protegia aquela nação saiu com eles. Onde há um filho de Deus, as ações do inimigo são limitadas ou impedidas. Nunca deixe o seu lar aberto e desguarnecido! O inimigo não pode ter sucesso no seu plano contra você e os seus. Se estiver passando por alguma dificuldade espiritual, ore ao Senhor com fé.

O apóstolo não aguentou tamanha maldade do coração dos seus irmãos, filhos de Israel, e separou os discípulos deles. Com isso, a proteção dos judeus em Éfeso acabou e, por mais que orassem e a pedissem, não caminhariam mais sob as asas do Onipotente, e sim do inimigo. A tola decisão de não se curvar ante a majestade divina abre brecha para o poder maligno atuar.

Paulo continuou na cidade de Éfeso, ministrando na escola de um certo Tirano. O trabalho do apóstolo era tão extraordinário, que as pessoas saíam de todas as partes para receber a sua oração. Quem desprezou o agir de Deus ficou sem a ajuda dEle.

Em Cristo, com amor,




R. R. Soares

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Versículo do Dia

Versículo do Dia



Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido.
 Isaías53:4

VÍDEO DO DIA - Suas Digitais - Fernanda Brum



Suas Digitais - Fernanda Brum



PÃO DIÁRIO - 15/01/2018 - Derrube o muro

Derrube o muro

Os anos subsequentes à Segunda Guerra Mundial foram rotulados de Guerra Fria, durante os quais as nações trocavam ameaças e trapaceavam para obter poder. O Muro de Berlim, construído em agosto de 1961, permaneceu intacto por quase três décadas como um dos símbolos mais poderosos da animosidade latente. Mas em 9 de novembro de 1989 foi anunciado que os cidadãos poderiam cruzar livremente a fronteira entre Berlim Oriental e Ocidental. Todo o muro foi demolido no ano seguinte.

A conhecida história sobre José relatada no Antigo Testamento nos apresenta um filho preferido por seu pai e odiado pelos irmãos (Gênesis 37–50). Entretanto, José recusou-se a construir um muro de ódio entre ele e seus irmãos que o venderam como escravo. Quando a fome os colocou face a face após muitos anos, José tratou seus irmãos com bondade, dizendo: “Vós, na verdade, intentastes o mal contra mim; porém Deus o tornou em bem […]. Assim, os consolou e lhes falou ao coração” (50:20,21), ajudando a restaurar o relacionamento entre eles.

Há 25 anos desta data, uma barreira opressiva feita por homens foi destruída, oferecendo a liberdade e reunindo as famílias e os amigos.

Se porventura construímos muros de raiva e separação entre nós e outros, o Senhor está pronto e Ele é capaz de nos ajudar a começar a destruí-los hoje.

—DCM

Leia: Gênesis 50:15-21 

Examine: ...os consolou e lhes falou ao coração. — Gênesis 50:21

Considere: A raiva levanta muros, o amor os derruba.

NÃO HAVIA DÚVIDAS DE QUE DEUS ESTAVA COM ELE

Resultado de imagem para NÃO HAVIA DÚVIDAS DE QUE DEUS ESTAVA COM PAULO, POR ISSO ELE ERA USADO PARA LEVAR O EVANGELHO A TODOS

 E, entrando na sinagoga, falou ousadamente por espaço de três meses, disputando e persuadindo-os acerca do Reino de Deus.Atos 19.8
  

Para o apóstolo, Deus estava com ele em Éfeso, pois todos os acontecimentos apontavam para isso. Ao ver os 12 discípulos receberem o batismo no Espírito Santo, sem que houvesse um só que não conseguisse o dom prometido, Paulo sabia que o Senhor estava fazendo a Sua vontade. Isso também deve ocorrer conosco hoje, pois, onde o Altíssimo atua, a Sua Palavra é revelada, honrada e confirmada.

Era o início de uma obra que daria alegrias a Deus, provocando festas nos Céus. Com as Boas-Novas, os perdidos encontrariam o Caminho, os salvos receberiam poder e o Inferno seria envergonhado. As palavras do Altíssimo jamais deixam de ser cumpridas, e o inimigo não pode paralisar o avanço da Igreja. Além disso, pelo fato de as pessoas orarem por dias e meses a fio, o Altíssimo não Se manteria distante. Onde está o Senhor, há liberdade completa e operações de maravilhas.

O Inferno sabe que, onde Deus Se faz presente, as suas forças têm de bater em retirada. Quando o Onipotente age, o diabo não tem condições de impedir a Igreja de ocupar o espaço dela. No entanto, para isso ocorrer, todos devem estar em união, a fim de que a obra não termine. Temos de executar o que Deus planejou, pois recebemos a Sua ordem de ir por todo o mundo e anunciar o Evangelho (Mc 16.15). O poder divino honrará as nossas determinações!

Ao perceber que chegara o momento, Paulo entrou na sinagoga e falou ousadamente por três meses. Quem se acovarda e se amedronta acerca do que pode lhe ocorrer, por causa de ameaças sofridas, não é usado pelo Senhor. Gideão, por exemplo, cortou o bosque de Baal em uma noite (Jz 6.23-30) e, com isso, o seu nome tornou-se conhecido. Elias desafiou os profetas de Baal e dos postes-ídolos (1 Rs 18), e isso, mais uma vez comprovou a seguinte verdade: só o Senhor é Deus. Eles agiram pela fé.

Ninguém pode pensar em fazer alguma coisa e logo crer que Deus o usará. É do Altíssimo a iniciativa de fazer algo em Sua seara; por isso, temos de buscar a face dEle e, ao sermos dirigidos, não temermos. Por que o Senhor batizou os 12 discípulos de Éfeso? Para Paulo, aquilo era sinal de estar agradando ao Pai celeste e, então, corajosamente, na sinagoga dos judeus, falou ousadamente a respeito do Salvador.

O apóstolo disputava com os judeus e os persuadia acerca do Reino de Deus. Eles não tinham como dizer que não entendiam a mensagem, porque a unção do Santo Espírito sobre Paulo assegurava-lhes que a obra era de Deus. Além disso, as curas e os sinais operados nos enfermos e oprimidos pelo diabo eram testemunhos dos Céus. Devemos mostrar esse mesmo poder hoje!

É necessário que homens e mulheres sirvam a Deus em espírito e em verdade (Jo 4.23), para que a mensagem do Evangelho alcance toda a humanidade. Muitos se perderão para sempre; por isso, precisamos nos apressar a cumprir a ordem de Cristo. Se não fizermos isso, teremos contas a ajustar com Ele naquele Dia.

Em Cristo, com amor,




R. R. Soares

domingo, 14 de janeiro de 2018

MOMENTO DA PALAVRA COM Pr JOSUÉ GONÇALVES

ENSINE MAIS COM EXEMPLOS 

DO QUE COM PALAVRAS




Versículos do Dia


Versículos do Dia


Maria Madalena foi e anunciou aos discípulos: "Eu vi o Senhor! " E contou o que ele lhe dissera.

VÍDEO DO DIA - Apenas Um Toque - Fernanda Brum e Delino Marçal


Apenas Um Toque - Fernanda Brum e Delino Marçal




PÃO DIÁRIO - 14/01/2018 - Laranjas ou leite?

Laranjas ou leite?


Quando disse à minha filha que um bebê de três meses viria para uma visita ela ficou encantada. Com o senso de hospitalidade de uma criança, ela sugeriu que compartilhássemos parte de nosso alimento com o bebê. Ela pensou que ele poderia gostar de uma laranja suculenta da fruteira no balcão de nossa cozinha. Expliquei-lhe que o bebê só podia beber leite, mas que talvez gostasse de laranjas quando ficasse mais velho.

A Bíblia usa um conceito semelhante para descrever a necessidade de um cristão por alimento espiritual. As verdades básicas das Escrituras são como leite — elas ajudam os novos cristãos a florescer e crescer (1 Pedro 2:2,3). Em contraste, “…o alimento sólido é para os adultos…” (Hebreus 5:14). Os cristãos que tiveram tempo de digerir e entender o básico podem ir adiante para investigar outros conceitos bíblicos e começar a ensinar estas verdades a outros. As recompensas da maturidade espiritual são maturidade e discernimento (v.14), sabedoria divina (1 Coríntios 2:6) e a habilidade de comunicar a verdade de Deus a outros (Hebreus 5:12).

Como um pai amoroso, Deus quer que cresçamos espiritualmente. Ele sabe que alimentarmo-nos apenas de leite espiritual não é o melhor para nós. Ele quer que nos movamos adiante de modo que possamos desfrutar do sabor do alimento sólido.

—JBS

Leia: Hebreus 5:5-14 

Examine: Mas o alimento sólido é para os adultos… — Hebreus 5:14

Considere: Quando cultivamos a fé, crescemos espiritualmente.

A CONFIRMAÇÃO CELESTIAL

Resultado de imagem para Uma das maiores bênçãos recebidas pelo homem é o batismo no Espírito Santo

 E, impondo-lhes Paulo as mãos, veio sobre eles o Espírito Santo; e falavam línguas e profetizavam.Atos 19.6
  

Uma das maiores bênçãos recebidas pelo homem para viver vitoriosamente é o batismo no Espírito Santo, pois isso prova que ele foi perdoado, e o seu coração de pedra mudou para um de carne. Com isso, está autorizado a sair pelo mundo e cumprir a última ordem dada pelo Salvador. É claro que é necessário levar o Evangelho somente com a direção de Deus, para que a obra seja realizada conforme Jesus a fazia.

Uma experiência como essa faltava a todos os que seguiam o Senhor e se tornaram Seus discípulos. Então, já tendo ressuscitado e voltado aos Céus, o Salvador lhes ordenouque pregassem a Boa Notícia em toda a parte (Mc 16.15). Não pode haver dois tipos de ministérios na casa de Deus: um sob a direção do Senhor e outro dos bem-intencionados, mas rebeldes à ordem dada pelo Mestre a quem O ama e serve a Ele.

Com o batismo no Espírito Santo, enfrentaremos as forças do reino das trevas colocando-as no lugar delas: debaixo dos nossos pés. Quem não tem esse revestimento deve ficar na sua Jerusalém até receber esse dom celestial, o qual é a autorização para cumprir a missão onde for enviado (At 13.2). Os escolhidos por Jesus encontrarão oposição do diabo, tentações e aflições, mas, sendo selados com o Seu poder, terão a Sua santa consolação.

É necessário dar maior atenção a esse batismo, para não testemunharmos alguns irmãos serem vencidos por Satanás. Porém, mesmo revestidos por Deus, temos de vigiar e orar, a fim de não entrarmos em tentação. Se houvesse um caso especial em que não fosse necessário esse batismo, Jesus nos teria falado. Tudo o que Ele revelou a alguns, ou a um grupo seleto de discípulos, disse a todos. Portanto, sinta-se avisado e obedeça ao Senhor.

Se o apóstolo Paulo não fosse cheio do Espírito Santo, como falaria com o mago Elimas, o servo do diabo, diante do procônsul Sérgio Paulo? Esse mágico ia contra tudo o que o apóstolo falava, e este, cheio de poder, repreendeu-o, avisando-lhe que ficaria cego, e assim ocorreu com Elimas. Então, o procônsul se converteu (At 13.6-12). Entenda: há procônsules, embaixadores e outras autoridades que se entregarão ao Senhor, se virem o poder de Deus operar de maneira espetacular e completa.

Eis o sinal de que receberam tal plenitude: falaram em línguas e profetizaram. Se você não passou por essa experiência, deve buscá-la com a evidência de línguas e profecias. Sem ela, você não está autorizado a sair da sua Jerusalém e usar o poder delegado a quem foi selado por Deus. Muitos tiveram experiências com o Senhor, mas o batismo é mais do que isso!

A confirmação celestial levou aqueles 12 discípulos a serem batizados nas águas por Cristo. A seguir, com a imposição das mãos de Paulo, foram preenchidos pelo Espírito Santo. Assim começou, em Éfeso, um trabalho tão lindo que levou toda a Ásia a ouvir a mensagem do Evangelho. Esse batismo está disponível a quem deseja a salvação, pois ele é parte dela.

Em Cristo, com amor,




R. R. Soares

sábado, 13 de janeiro de 2018

Versículos do Dia

Versículos do Dia


Misericórdia, Senhor! Estou em desespero! A tristeza me consome a vista, o vigor e o apetite. 

VÍDEO DO DIA - Identidade - Anderson Freire e Cassiane



Identidade - Anderson Freire e Cassiane 



PÃO DIÁRIO - 13/01/2018 - Multiplique

Multiplique


Amanda havia lutado com o câncer por cinco anos. O médico lhe disse então que os tratamentos estavam falhando e que ela tinha poucas semanas de vida. Desejando entender e ter segurança sobre a eternidade, Amanda perguntou ao seu pastor, “Como será o céu?”

Ele perguntou-lhe o que ela mais gostava em sua vida na terra. Amanda mencionou as caminhadas e o arco-íris, amigos cuidadosos e risadas de crianças. “Então você está dizendo que vou ter tudo isso lá?”, ela perguntou com ânsia.

O pastor respondeu: “Acredito que sua vida lá será muito mais bela e incrível do que qualquer coisa que tenha amado ou vivido aqui. Pense no que é melhor para você aqui e multiplique várias e várias vezes. É assim que o céu será na minha opinião.”

A Bíblia não descreve em detalhes como a vida será na eternidade, mas nos diz que estar com Cristo no céu é “…incomparavelmente melhor…” que nossa situação atual (Filipenses 1:23). “Nunca mais haverá qualquer maldição. Nela, estará o trono de Deus e do Cordeiro. Os seus servos o servirão” (Apocalipse 22:3).

O melhor de tudo é que veremos o Senhor Jesus face a face. Nossos anseios mais profundos serão completamente satisfeitos nele.
—AMC

Leia: Apocalipse 22:1-5 

Examine: Nunca mais haverá qualquer maldição… —Apocalipse 22:3

Considere: Estar com Jesus para sempre é a essência de toda a felicidade.

NO BATISMO DE JOÃO

Resultado de imagem para Em que sois batizados, E eles disseram: No batismo de João.


 Perguntou-lhes, então: Em que sois batizados, então? E eles disseram: No batismo de João.Atos 19.3
  

O ministério de João Batista tinha o propósito de abrir o caminho, para que Jesus trouxesse a revelação do que Deus estava fazendo desde então no mundo. Com a vinda do Salvador, acabou a separação entre o Altíssimo e o homem. Hoje, quem cumprir as ordenanças do Senhor torna-se amigo dEle. Para muitos, se alguém afirmar ser amigo de Jesus pode parecer presunção, mas foi Ele mesmo Quem declarou isso; portanto, somos Seus amigos (Jo 15.14,15).

Para ser batizado no batismo de João, era preciso cumprir os requisitos da justiça de Deus para aqueles dias. Porém, depois que o Mestre passou a pregar, tornou-se necessário o batismo em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Após ter ressuscitado, Cristo condicionou a salvação ao processo do novo nascimento (Jo 3.3) e disse que quem cresse e fosse batizado seria salvo (Mc 16.16). Por que mudar?

Paira uma dúvida a respeito de como os novos convertidos devem ser batizados. Ora, por deixarem de meditar nas Escrituras, muitos afirmam ser válido apenas o batismo em Nome de Jesus. Quando Pedro e, depois, Paulo orientaram as pessoas a se batizarem em Nome de Cristo, eles se referiram ao entendimento dado pelo Mestre; não estavam mudando a fórmula do Senhor (Mt 28.19).

Há um grande erro na polêmica sustentada por um grupo de cristãos, o qual ensina que o batismo deve ser feito somente em Nome de Jesus. Nem Pedro nem Paulo disseram isso. Sem dúvida, eles respeitavam a ordem de Cristo para usarem o Nome dos membros da santíssima Trindade. Eles pregavam as Boas-Novas, expulsavam demônios e curavam enfermos usando esse Nome.

Paulo declarou que o batismo de João ocorria porque as pessoas creram no que o profeta dissera. No entanto, tendo aceitado o Evangelho, elas deveriam se batizar em Nome de Jesus  sob a ordem do Senhor. Ora, Pedro e Paulo não seriam ousados para mudar o mandado do Mestre. Eu batizo os novos convertidos em Nome de Jesus, mas faço como Cristo ordenou: em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Eu não seria louco a fazer diferente. Você seria?

Antes de batizar nas águas qualquer pessoa, eu lhe ensino o real significado desse ato, levando-a a conhecer as seis bênçãos recebidas: o sepultamento do velho homem (Cl 2.12), a remissão de pecados (At 2.38), o despojamento do corpo da carne (Cl 2.11) e do corpo do pecado (Rm 6.6), a circuncisão do coração (Rm 2.29) e o sair das águas para andar em novidade de vida (Rm 6.4). O batismo é mais que a porta de entrada na igreja; é um ato que proporciona dádivas.

Paulo ordenou que os discípulos fossem batizados com o entendimento dado por Jesus em relação a isso. Depois de batizá-los, levou-os a serem revestidos pelo Espírito Santo. Então, ao receberem a unção do Alto, tiveram a experiência do novo nascimento completa. Assim, estavam aptos para ver o Reino dos Céus, entrar nele e cumprir a obra como deveriam.

Em Cristo, com amor,




R. R. Soares

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

MOMENTO DA PALAVRA COM Pr JOSUÉ GONÇALVES


Vamos falar sobre Gratidão 



Versículo do Dia


Versículo do Dia


O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância.Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas.

VÍDEO DO DIA - Cuida de mim [ GRAÇA E ADORAÇÃO ]


Cuida de mim [ GRAÇA E ADORAÇÃO ]



PÃO DIÁRIO - 12/01/2018 - Muitos cavalos

Muitos cavalos

Pense por um momento no poder, na beleza e na majestade de um cavalo galopante — sua cabeça elevada, sua crina voando ao vento e suas patas trabalhando em uníssono para prover velocidade, força e desimpedimento.

Este é um exemplo maravilhoso da magnificente criação de Deus! Ele criou o cavalo não apenas para nos maravilharmos e dele desfrutarmos, mas também como um complemento à raça humana (Jó 39). O cavalo, se treinado apropriadamente, é destemido quando precisamos de um companheiro corajoso. Este animal era usado para carregar o soldado à batalha com fidelidade, velocidade (v.24) e esperança de chegar onde precisava (v.25).

Embora Deus estivesse usando a criação para ensinar Jó sobre a Sua soberania, esta passagem pode também nos lembrar de nosso valor no mundo de Deus. Fomos criados não simplesmente como belas criaturas com um trabalho a fazer, mas também como criaturas feitas à imagem de Deus. A força do cavalo é incrível, mas o valor de cada ser humano transcende todas as outras criaturas.

Deus nos criou unicamente para termos um relacionamento com Ele e para vivermos com o Senhor para sempre. Enquanto louvamos a Deus pela magnificência das criaturas da natureza, também nos maravilhamos por termos sido formados “…por modo assombrosamente maravilhoso…” (Salmo 139:14).

— JDB


Leia: Jó 39:19-25 

Examine: Graças te dou, visto que por modo assombrosamente maravilhoso me formaste… —Salmo 139:14

Considere: De toda a criação de Deus, apenas os humanos experimentam a recriação.

JÁ RECEBEU O BATISMO NO ESPÍRITO SANTO?

Resultado de imagem para JÁ RECEBEU O BATISMO NO ESPÍRITO SANTO?


 Disse-lhes: Recebestes vós já o Espírito Santo quando crestes? E eles disseram-lhe: Nós nem ainda ouvimos que haja Espírito Santo.Atos 19.2
  

Antes de voltar aos Céus, Jesus orientou Seus discípulos a não se ausentarem de Jerusalém, mas esperarem pela promessa feita a eles (Lc 24.49). Seria o cumprimento dos acontecimentos dos últimos dias revelados por Joel. O revestimento de poder tão necessário viria para ajudar os servos do Senhor a executarem a obra divina. Para realizar com sucesso a missão dada por Deus, a pessoa precisa ter a mesma unção do Salvador quando de Sua peregrinação na Terra.

Por meio do batismo no Espírito Santo, os salvos recebem a capacidade para fazer a obra de Deus como Jesus a fez. Por isso, os obreiros do Senhor que trabalham sob a direção de qualquer igreja devem procurar esse revestimento. Os 12 apóstolos não podiam deixar a santa cidade sem antes serem cheios da unção do Alto. E nós, podemos? Também não, a menos que aceitemos a ausência dos tão necessários e úteis sinais, prodígios e maravilhas.

Os discípulos de Éfeso não tinham ouvido falar da existência do Espírito Santo, e isso comprovou a carência deles. Seguir o Senhor Jesus sem o poder para cumprir a ordem divina levará o cristão a criar situações nas quais dirá coisas erradas. Ora, ele não pode ensinar ou falar algo fora da Palavra, e sim agir como Cristo, usando as mesmas ferramentas.

Esse assunto é tão sério, que os discípulos foram proibidos de sair da cidade do grande Rei sem o poder para falar dos feitos de Jesus em favor da humanidade. Mais tarde, eles teriam de pôr em liberdade os oprimidos, dar vista aos cegos e anunciar o ano aceitável do Senhor, o do jubileu (Lc 4.18,19). Quem tenta fazer a obra de Deus com a capacidade do homem não consegue, porque o que é nascido da carne é carne (Jo 3.6). As pessoas têm de nascer da água e do Espírito!

Os irmãos de Éfeso não iriam muito longe se continuassem sem a mesma capacidade concedida a Jesus quando estava entre nós. Como fariam as mesmas obras de Cristo? O diabo é astuto e tentará confundir o obreiro de Deus. Se este não tiver  autoridade para expulsar demônios, curar enfermos e realizar outras coisas, certamente será envergonhado e derrotado pelo inimigo. Só quem possui essa unção obtém êxito em sua empreitada.

Se você ainda não recebeu o batismo no Santo Espírito, busque-o com urgência. Caso não faça isso, a sua fé não operará o que é esperado de quem tem o poder do Alto. Quem nos chamou para o Seu Reino sabe do que precisaremos durante a nossa caminhada, por isso Ele nos dá do Seu Espírito para completarmos a nossa missão com louvor. Essa é a nossa preparação! Assim, nós nos apresentaremos aprovados perante o eterno Deus.

Com a plenitude do Espírito Santo, você se torna apto para testemunhar de Jesus, levando a salvação a quem é derrotado e submetido a todo tipo de pecado e vexame. Sendo cheio dessa unção, você cumprirá a vontade do Altíssimo e será Seu representante.

Em Cristo, com amor,




R. R. Soares